Get Adobe Flash player

DUPLA-LÉGUA (Vermoil - 03.11)

C L A S S I F I C A Ç Õ E S

NÃO HÁ QUALQUER DÚVIDA:

CUMPRIU-SE A TRADIÇÃO,

S. PEDRO NÃO DEU CHUVA

E (RE)GANHOU O PAIXÃO.

dl2019

 

GERAL (10 KM)

Escalões: Juniores F; Juniores M

Seniores F; Seniores M

F35; F40

M35; M40; M45; M50; M55; M60; M65

Atleta + idoso: JOAQUIM GOMES, A-Do-Barbas (22/07/1950)

Coletiva

 

 

Formação:

Geral Bambis; Geral Benjamins; Geral Infantis;

Geral Iniciados; Geral Juvenis

Coletiva

QUADRO RESUMO

 QUADRO DE HONRA

fotosdaprova

igual

Fotos, ADAL, AQUI

 

EM VERMOIL, TANTA GENTE

NESTES ÚLTIMOS QUINZE DIAS,

RAZÃO PARA ESTAR CONTENTE

QUEM GOSTA DESTAS FOLIAS!

 

PENA É NÃO HAVER PARQUES

PARA ARRUMAR TANTO CARRO,

NAS SENHORAS GANHOU INÊS MARQUES

ENQUANTO EU FUMAVA UM CIGARRO!

 

DE ELVAS VEIO OUTRO CAMPEÃO

QUE NASCEU NESTA TERRA,

AO REGRESSADO JOEL DEU A MÃO

QUE AINDA ASSIM PARA ELE PERDEU!

ÂÂÂÂÂÂvencedor 

DE ESPINHO AO ALGARVE

FOI VÊ-LOS CHEGAR UM A UM,

ATÉ OS BOMBEIROS, SEM ALARME

IAM CRIANDO UM TRINTA E UM!

 

DE TORRES VEIO A VETERANA

MAIS RÁPIDA DELAS TODAS,

O MESMO FEZ A LILIANA

NO ESCALÃO DAS TRINTONAS!

 

FORA DO PÓDIO, QUEM DIRIA!

O NOSSO BRUNO GASPAR, 

FOI O MELHOR DE LEIRIA

COM HONROSO 4º LUGAR!

 

PERTO DE CASA, O AQUILINO

MOSTROU DO QUE É CAPAZ,

PARCEIRANDO A JÚNIOR E MUITO TINO

LÁ GANHARAM AO PRIMEIRO RAPAZ!

 

O RAIMUNDO, DESTA VEZ

NÃO GANHOU, POIS ENTÃO!

NEM A GUARDA QUE O LUIS FEZ

IMPEDIU O MÁRIO DE SER CAMPEÃO!

 

EM EQUIPAS, GANHOU A DA CASA, 

EM SEGUNDA O VIEIRENSE,

E AINDA HÁ QUEM FAÇA TÁBUA RASA

QUE O ATLÉTICO NÃO CONVENCE!

 

POUCA GENTE A ASSISTIR

NESTA TERRA ATÉ É ESTRANHO, 

MAS MUITA MALTA A SERVIR

SABOROSO CALDO VERDE CASTANHO!

 

DA CARNE ... NEM SE FALA, 

ASSOU-SE A QUE BASTASSE,

QUE A FOME NINGUÉM A CALA

NEM QUE A TENDA DESMORONASSE!

 

OS NOSSOS AMIGOS DE ESPINHO

NO CARDAL SE ALOJANDO, 

GOSTARAM TANTO DO NOSSO VINHO

QUE VÃO VOLTAR PRÓ ANO!

 

PENA É QUE DO MUNICÍPIO

NINGUÉM NOS TENHA VISITADO,

NÃO SENDO POR PRINCÍPIO

É PORQUE NÃO FOI CONVIDADO!

 

DESTE ERRO ME LIVREI EU

DELEGANDO ESSA AVENÇA,

AINDA ASSIM, BEM ME DOEU

QUE DA EDILIDADE NEM A LICENÇA!

 

ACHO ESTRANHO ESSE DESENCONTRO

NUM ALIADO ANCESTRAL

TÃO VALIOSO E DE CONFORTO

TEM SIDO O APOIO MUNICIPAL!

 

HÁ TANTAS HORAS QUE NÃO DORMI...

ESTOU CANSADO BEM SE VÊ,

POR ISSO FICO POR AQUI...

MUITO FELIZ COM O ACV!

(Se também tem 'veia poética, ilustre o evento enviando as suas quadras, sonetos, rimas ou a obra completa...que nós publicamos)

 

FIZ MUITO KM E MUITO METRO

POR ISSO FALTEI À COMPETIÇÃO,

ESTEJA LONGE, ESTEJA PERTO

NÃO ESQUEÇO O CLUBE DO CORAÇÃO

(Cristiano António)

 

O Atlético Clube de Vermoil manifesta profundo ahradecimento a todos quantos, dentro das suas limitações, contribuiram para mais uma FESTA DO ATLETISMO. Bem Ajam!

 

 

DUPLA LÉGUA

logoleve

LISTA GERAL DE INSCRITOS

 

bambis - 33

benjamins - 40

infantis - 27

iniciados - 28

juvenis - 8

10 km - 178

 

A organização da 26ª Dupla-Légua de Vermoil apela e sensibiliza todos os atletas e acompanhantes para não abandonarem o local depois das provas, após o seu fim. Temos tudo preparado para que a Festa do Atletismo se prolongue, pelos menos até às 15h...!

 

Meia Maratona de Leiria - 13/10

Roda da vida...

amilcar

Tirando o vento (que estava naqueles dias que empurra para todos os lados...) a manhã deste domingo apresentava condições magníficas para a prática da modalidade.

Leiria acolheu os cerca de 500 participantes em mais uma edição da sua Meia Maratona.

Pelo Atlético Clube de Vermoil foram 10 os camaradas que responderam à chamada: 7 na 'meia' e 3 nos 10 km.

Na distância menor a DEONILDE COSTA chegou na 27ª posição e na segunda posição do sexo (esta prova só reconhece sexos ... não escalões!!?), com 42'51''. Seguiu-se a BLANDINA LOURENÇO em 67ª e sétima feminina, com 49'05''. EUGÉNIO MENDES, com 53'35'' fechou as contas, no que aos 10 km diz respeito.

Na prova rainha brilhou a LILIANA NEVES, que se livrou duma viagem à China por muito pouco. Foi segunda entre as mulheres e a sua 56ª posição da geral deu 1h35m00s. Para quem faz esta distância pela segunda vez... excelente! BRUNO GASPAR, com 1h13m32s foi o 4º da geral e o primeiro do distrito. Em 25º lugar terminou o AMILCAR BRITO, com o tempo de 1h25m07s. PAULO CRUZ e o seu 44º lugar da geral valeu 1h31m38s. Já o AQUILINO FERREIRA (a contas com uma pequena mazela), tendo optado por 'ajudar' a colega, fez a módica cronometragem de 1h35m exatos. Cerca de quatro minutos depois, vimos chegar o HELDER MIRANDA quando o relógio marcava 1h39m16s e o 86º Llugar do diploma, ficando para o ALFREDO SANTOS a 'honra' de fechar a perfomance do ACV: 170º lugar, com 1h54m03s.

Quanto à organização, que junta aspectos onde são inexcedíveis com outros que não lembram ao mafarrico, tem que se acautelar com a visão que tem do 'mercado'...

paulo

Inscrições caras e de logística complicada e ... esquecerem-se dos ESCALÕES!!! Assim, meus caros, não haverão viagens à Cochichina que vos salvem!

Nesta prova - entalada entre o fim de uma época e o início de outra - veêm-se atletas com fatiotas novas. A vida é assim mesmo. Cada um procura o que acha melhor para si. Outros optam, apenas, por escolher o melhor dos males. Parece ter sido isso o caso do nosso brioso camarada AMILCAR BRITO. Residente em Monte Real, este 'rapaz' descoberto pelo 'olheiro' MÁRIO HENRIQUES (Olá, Mário!) deu tudo o que tinha pelo verde do nosso clube. Foram meia dúzia de anos de lutas e glórias comuns. Na hora do 'até já', ao AMILCAR, só peço aos restantes ex colegas que se revejam no exemplo de quem, não sendo de Vermoil, soube honrar - como ninguém - a camisola que envergou. OBRIGADO, Amilcar. Toda a sorte do Mundo!

Saiu o Amilcar (vai para o pé de casa mas deixa por cá a grande amizade que nos une) entrou o Paulo. PAULO CRUZ de seu nome de guerra vem para lutar e comungar da vivência alegre, descontraída e ganhadora do ACV. Se ninguém duvida da raça do nosso novo reforço, justo é pedir aos colegas que o recebam com a humildade inerente à competição interna. Estou crente que a sua integração na família ACV vai ser (muito) fácil. Benvindo, Paulo!

 

Se até lá alguns dos nossos atletas vai estar ainda em preparação, correndo por aí, a próxima prova de fogo será na nossa Dupla-Légua de Vermoil, dia 03 de novembro. Até lá,

Bons treinos!

 

Bimestre de Corridas

Da Barreira aos Gambuzinos...

Um bimestre de corridas

Nem sempre juntos; nem sempre para o mesmo lado; nem sempre com os mesmos objetivos, mas sempre ACV. Os atletas do nosso clube participaram nestes dois meses em inúmeras provas por esse país fora. Umas vezes mais, outras menos; umas vezes uns, outras vezes outros. O Atlético Clube de Vermoil é, por isso, um clube sui generis...

 

barreiraBarreira - 12/05

Bruno Gaspar repete vitória

Terceiro lugar coletivo numa prova que serviu ao Bruno para revalidar o seu título conquistado o ano passado. Estiveram também presente: Miguel Angelo (pódio em M45), Sara Domingues (vencedora em F40), Carlos Alves, Leandro Santos, Alfredo Santos, Narciso Fabião, José Santos, Vitor Lopes, coadjuvados por Eugénio Mendes.

 

Cortegaça - 12/05

Póquer das "meias"

Com a 'coisa' a correr - desta vez - menos bem, os aventureiros foram o João Gonçalves, Joaquim Quitério, José Mendes e Miguel Gonçalves. Sérgy Chonka assessorou.

 

Pataias - 19/05

Do vice do Bruno à lesão do Vitor

Desta vez o Bruno não ganhou. Não ganhou mas ficou em segundo lugar. Já depois de concluída a prova, o Vitor Lopes foi 'vítima' de um "atropelamento" e... coisa para duas semanas de tratamento! Estiveram ainda presentes o Rui Duarte, Eugénio Mendes e Helder Miranda.

 

Porto de Mós - 19/05

A baixinha Elsa subiu bem, lá ao alto

Só dois. O Alfredo Santos acompanhou (até poder...) a Elsa Soares (2ª Vet F) desde Porto de Mós até às Grutas de Santo António. Os míticos " 17 kms Serra de Aire estão, porém, longe da afluência de outrora.

 

Burinhosa - 26/05

LIliana foi a primeira a ver o Farol

A Vergonha Nacional também se vê (e de maneira!) nas corridas: mais de dois anos depois dos incêndios ainda não é possível fazer o percurso tradicional da "Corrida ao Farol". Estradas cortadas, interrompidas ou na iminência de caída de árvores queimadas e podres. Incúria! 

Por isso, houve que arranjar percurso alternativo. Pelo segundo ano nessas condições, os atletas lá se fizeram ao alcatrão... Rui Duarte, Amilcar Brito, Eugénio Mendes, Leandro Santos, Liliana Neves (vencedora em F35), Blandina Lourenço e Sara Domingues (2ª e 3ª F40) foram fotografadas - como sempre - pela Isabel Pataco.

 

Palheira - 26/05

Duro e quente Grande Prémio

A dureza do percuros de duas voltas ficou patente nesta primeira edição da prova desta localidade coimbrã. O tórrido calor que se fez sentir também não ajudou nada. A presença de quatro atletas para compôr uma equipa que não se classificaria. Pódios para o Bruno Gaspar e MIguel Angelo. Carlos Alves e Miguel Gonçalves também marcaram presença.

 

Régua - 26/05

"A prova mais bonita do mundo"

Dela se diz que não há mais formosa. Meia Maratona do Douro Vinhateiro. Beleza para quem vê, o que não será a mesma coisa para quem, em final de maio, enfrenta a canícula deste último domingo do mês do coração. João Gonçalves, Joaquim Quitério, Elsa Soares e Deonilde Costa. Acompanhou o Sergiy Chonka.

 

bombarralBombarral - 01/06

Correr ao 'sol-posto'

O prazer e a beleza de correr de frente para o pôr do sol podia ser melhor ou não se tratasse da maior subida do percuros de três voltas à vila/cidae do Bombarral. Por essas ou por outras é que a Blandina Lourenço deixou escapar a vitória na derradeira volta. Ainda assim, o segundo lugar (1ª da ADAL) deu-lhe pontos suficientes para aguardar a conclçusão do Circuito para levar para casa o troféu. Completaram a equipa (11º lugar) o Eugénio Mendes, Alfredo Santos e Leandro Santos. Todos se vingaram, depois, na 3º parte!

 

Soure - 01/06

Raça vermoilense arrasa vila do Arunca

Sérgiy Chonka, desta vez, fez-se acompanhar por um 'convidado' - Nuno Rosa, que ajudou a armada do ACV a vencer coletivamente a prova do Circuito 4 Estações, na sua passagem por Soure. Pódios para o João Gonçalves e Pedro Ferreira (2º da geral) com boas prestações do natural Joaquim Quitério, Miguel Gonçalves, José Mendes e José Santos.

 

Bajouca - 02/6

Só dois...

Pela primeira vez em vinte e nove anos o ACV não se classifica na Bajouca...

Culpa da organização, que muda a data da prova, mas também dos 'vizinhos' que, comprometidos, levaram lá os que puderam: Amilcar Brito e Carlos Alves (2º e 3º séniores). De notar ainda, que o Amílcar despede-se do escalão maior com um pódio...

 

Mira - 02/06

Só uma...

Hoje e aqui também escasseou a nossa presença. Só a LIliana Neves (6ª da geral) viajou até à ria para fazer os "10 km mais planos...".

 

Nazaré - 15/06

Bons tempos, na Nazaré

Ou o percurso está mal medido ou confirma-se que muitos dos atletas pulverizaram as suas marcas! João Gonçalves (4º SM. O João coleciona quartos lugares como quem come sardinhas na Nazaré!), Pedro Ferreira (3º M40) e Amilcar (3º M35. Acaba o escalão de sénior no pódio e de lá não quer saír...). Miguel Gonçalves, Joaquim Quitério, José Santos, Liliana Neves (1º F35), Deonilde Costa (1ª F40) e Eugénio Mendes. Coletivamente trouxemos um barco artesanal do 3º classificado.

 

Ceira - 20/06

Pé no acelerador que ... é um instante!

Começar pelo fim e pelo lauto jantar servido a atletas e acompanhantes pode não parecer bem mas soube melhor! Nas corridas, curtas (1609m) mas inclinadas, a LIliana Neves foi 2ª veterana e a Elsa Soares 4ª. Também deram o litro o João Gonçalves e o Carlos Alves, nos seniores e Joaquim Quitério, José Mendes, Vitor LOpes, Eugénio Mendes, Alfredo Santos e Leandro Santos, nos veteranos.

 

Monte Real - 22/06

Correr onde os caças voam

monte realE voaram mesmo!

Os atletas do nosso clube voaram (prova-se em fotos - com alguns todos no ar!) pelas estradas de Monte Real, Começando pelo Bruno Gaspar, a vencer a prova categoricamente, sexto lugar e pódio para Pedro Ferreira e oitavo o nativo Amilcar Brito (terceiro pódio consecutivo, em dois escalões!!!). Liliana Neves foi segunda da geral e 1ª veterana. Com excelentes prestações estiveram ainda o José Mendes (que fecharia a equipa vencedora ... se houvesse!) e Helder Miranda. Marcaram presença no apoio aos colegas o Mário Henriques e a Deonilde Costa. O fotógrafo Eugénio Mendes fez o seu trabalho até esgotar a pilha da máquina...

 

Peniche - 29/06

Nortada nas fogueiras

(Ao momento da feitura desta crónica desconhecem-se resultados desta noturna do sul do distrito)

 

 

Pombal - 29/06

Gambuzinos ao saco!

Esta crónica não podia começar de outra forma senão pela tristeza da desclassificação do João Gonçalves...

Por partes...

O joão não fez o percurso todo. Insiscutível! Foi ele próprio, que confrontado com a difernça de tempo, se dirigiu à organização informando que algo estaria errado;

Esta, a organização (juizes?) , esteve bem ao perfilar, logo no início da prova os atletas de melhor valia, por forma a minimizar os encalhos com os caminhantes. Talvez por isso; por não estarem, ainda preparados, quando João chega à esquina do hospital, não tendo fita nenhuma do lado direito (Heróis do Ultramar, rua aberta ao transito), parou e não tendo qualquer indicação deambulou avenida abaixo até retomar o percurso junto ao Shopping. Portanto, o João não mergulhou no túnel da Ribeira Quente. Não o fez porque NINGUÉM lhe indicou o caminho como fizeram aos restantes;

gambuzinosNuma primeira instância a organização conferenciou com o atleta e decide classificá-lo, 'penalizando-o' em 5 minutos. O João ficaria, assim, com a vantagem que trazia quando foi levado a enganar-se;

Posteriormente e em consequência de protesto do segundo classificado foi solicitada ao João a opinião sobre a sua eventual desclassificação... Que outra coisa restava ao rapaz? Dando uma excelente imagem daquilo que nos dignifica, o nosso atleta aceitou a desclassificação, com prejuízo seu e da equipa. 

Uma última palavra para o Joel e para o GAU: o ACV não reagiria assim!

Alheios (na altura) a tudo isto, os restantes atletas deram o seu melhor na montanha russa de escada, declives, salas, salinhas e salões; escolas, parque sde estacionamento e (pasme-se!) pelo interior da Cervejália: Blandina Lourenço e Elsa Soares (2ª e 3ª Veteranas), Carlos Alves (2º SM), José Santos (3º Veterano), Eugénio Mendes, Sara Domingues e Alfredo Santos.

Apesar da desclassificação o ACV ainda foi terceira na classificação coletiva e o João Gonçalves teve direito ao prémio monetário. Era uma questão de justiça!

 

Como se viu, foram dois meses loucos. Uma correria nunca antes vista!

Os responsáveis pelo clube chamam a atenção dos atletas que foi um período anormal, que não deve repetir-se e que tem que haver uma maior definição na escolha de provas a fazer e em equipa. 

Para já, vem aí o Bodo - dia 27. 

 

 

26ª Dupla-Légua

DUPLA-LÉGUA DE VERMOIL

Abertas as inscrições

(Exclusivamente por email)

cartazleve

 

Flyer   Â    ÂRegulamento 1 Regulamento 2

 

Corrida do Bodo

Bodo, onde a corrida é uma devoção

Classificação dos atletas do ACV:

8º - BRUNO GASPAR - 32'47'' - 3º M35 - 2º do concelho

22º - JOÃO GONÇALVES - 34'57'' 

33º - MIGUEL ANGELO - 35'58'' 

48º - PEDRO FERREIRA - 37'13''

51º - AMILCAR BRITO - 37'40''

76º - JOSÉ SANTOS - 39'07''

83º - CARLOS ALVES - 39'30''

92º - JOSÉ MENDES - 39'48''

100º - AQUILINO FERREIRA - 40'15'' - 3º M60

130º - HELDER MIRANDA - 41'43''

bodo146º - LILIANA NEVES - 42'18'' - 2ª F 35 - 1ª do concelho

172º - DEONILDE COSTA - 43'14''

208º - VITOR LOPES - 44'29''

239º - BLANDINA LOURENÇO - 45'49''

308º - EUGÉNIO MENDES - 48'59''

324º - ELSA SOARES - 49'19''

340º - SARA DOMINGUES - 50'32''

344º - ALFREDO SANTOS - 50'53''

360º - LEANDRO SANTOS - 51'52''

N/P - JOAQUIM QUITÉRIO

N/P - RUI DUARTE

Coletiva: 2º lugar c/ 321 pontos.

Boa temperatura, céu encoberto e um pouco de humidade foram as condições reservadas pelo S. Pedro para mais uma edição da Corrida do Bodo.

Cerca de seis centenas de atletas à partida, cerca de 500 (bodo + farturas) na chegada e "um mar de gente" na caminhada.

Dada a partida - sobre o rio Arunca - logo se percebeu que a disputa do pódio estaria reservada a meia dúzia de competidores. Tiago Marques (CA Seia) cedo se deixou de veleidades e, se queria ganhar o prémio de "melhor do concelho", melhor seria controlar a corrida num segundo plano. Bruno Gaspar, com o seu 'adversário' sempre à vista, ia espreitando oportunidade que não haveria de acontecer, ficando-se pelo segundo posto indígena. Por falar em naturais do burgo ... muita gente 'nova' nas lides - o que se saúda - com o nosso assíduo deputado a bater record sobre record: Parabéns, Pedro!

Ganhou o veterano Licínio Pimentel (SCP - 4ª vitória em Pombal), nos homens - com o vencedor da Tripla-Légua (Bruno Paixão, do AC Beja) na segunda posição e Emilia Pisoeiro (Águeda), nas senhoras.

O Atlético Clube de Vermoil só não ganhou coletivamente porque os amigos da Caranguejeira foram melhores. Ainda assim é de destacar que fechou a equipa (primeiros 7 elementos) na 83ª posição!

A época entra, agora, no período de transição: vão-se fazendo corridas de manutenção (Praia do Pedrógão, Batalha e Praia da Vieira), com as das praias a contar para o Circuito da ADAL, onde o ACV tem o terceiro lugar do pódio para assegurar...

Boas Férias!

Classificações gerais, AQUI

Fotos ACV, AQUI

 

Campeonato Distrital de 5 e 10000m

Cumprir obrigação...

pistaNão sendo a especialidade dos nossos atletas, ao ACV impunha-se cumprir o dever de filiado; Sem atletas não haveria Distrital!

Há quem não goste; quem, apenas, tolere e quem detesta. Contudo dever é dever e... nós lá fomos!

Cinquenta e sete inscritos (muito bom!) para a prova rainha: 10.000m. Necessidade de fazer duas séries: os mais rápidos na primeiro e, os outros, depois...

Antes e com menos gente, disputou-se a clássica no feminino.

As nossas briosas representantes fizeram pela vida: a LILIANA NEVES foi segunda veterana, com 20m58s, seguida pela experiente e regressada DEONILDE COSTA, com 21m15s, que completou o pódio. Um pouco depois, chegaria a ELSA SOARES, com 24m04s.

Para os homens estavam, então, reservadas as míticas 25 voltas ao estádio. O nosso melhor foi o JOÃO GONÇALVES (354m43s) seguido pelo JOAQUIM QUITÉRIO (37m11s), MIGUEL GONÇALVES (37m12s), CARLOS ALVES (38m21s), JOSÉ SANTOS (39m43s), JOSÉ MENDES (40m13s), HELDER MIRANDA (42m07s), VITOR LOPES (43m53s) e EUGÉNIO MENDES (45m45s).

 

Para o dia seguinte estava previsto novo (velho) compromisso com os amigos de Pedrogão Grande. A Corrida da Liberdade não seria a mesma sem a nossa presença. Como não podia deixar de ser o ACV tinha que ombrear com os pergaminhos anteriormente laureados. Não deixámos os nossos créditos em mãos alheias: CINCO edições, CINCO vitórias do Atlético Clube de Vermoil!!!

Para tal, dois dos nossos veteranos tiveram que repetir a dose da véspera... Ainda por cima com um percurso MUITO mais disnivelado - tipo trail, em alcatrão, nada, porém que á não se soubesse!

pedrogoO BRUNO GASPAR fez a terceira posição (2º Veterano) com 35:56, o VITOR LOPES apareceu na meta em 22º lugar, com 54:27, seguido do EUGÉNIO MENDES, em 26º, com 56:27 e do ALFREDO SANTOS, em 28º, com 57:15.

Completaram a prova principal 48 atletas (seis dos quais, franceses - que se deslocaram à vila do Pinhal Interior, de propósito).

Por equipas, o ACV totalizou 77 pontos, suficientes - como já se disse - para vencer, pela quinta vez!

 

Entretanto, no sábado à noite, na Batalha, o LICÍNIO CARREIRA classificou-se em sexto lugar da geral e venceu no seu escalão, no Trail Noturno daquela localidade.

No próximo fim de semana os atletas vermoilenses farão uma pausa recuperadora para voltarem nos domingos seguintes, para as cássicas de maio!

 
  • Valsteam
  • Crédito Agrícola
  • Auto Mecânica da Confraria
  • Artebel
  • Parceiros Media
  • image
Hosting: Ilimitada Hosting Chile VPS